J.K. Rowling

JK Rowling

Escritora britânica

Biografia:

Joanne Kathleen Rowling ou J. K. Rowling como ela é popularmente conhecida e assina as suas obras.

Porém poucas pessoas sabem, mas na verdade o ‘K’ de Kathleen não é de nascimento, ele foi incorporado ao seu nome.

Durante a infância ela tinha um amor incondicional por seus avós paternos, principalmente por sua avó, Kathleen Ada Bulgen Rowling, que faleceu quando a garota tinha apenas 9 anos, em sua homenagem, Joanne adota em seu nome, a pela letra ‘K’, para completar seu nome artístico.

Joanne Rowling, nasceu no dia 31 de julho de 1965 na pequena cidade de Yate, interior da Inglaterra.

Filha de Peter Jolin Rowling e de Anne Volant, que tinham certo apreço pela leitura e mantinham a casa repleta de livros, isso incentivou a pequena Joanne, que desde a infância ficava fascinada pelos livros e histórias, acendendo o desejo de se tornar escritora.

Ela escreveu seu primeiro livro de ficção com seis anos de idade, com o título: “A História de Um Coelho Chamado Coelho”.

Quando adolescente, J. K. Rowling estudou Línguas Clássicas e Literatura Francesa na Universidade de Exeter, passou um ano na França fazendo curso de especialização, após a graduação, voltou para a Inglaterra onde trabalhou como pesquisadora da Anistia Internacional em Londres.

Iniciou a escrita de seu maior sucesso, Harry Potter, durante uma viagem de trem entre Manchester e King’s Cross.

Ao desembarcar na estação muitos personagens já estavam definido, e numa entrevista disse: “Harry Potter simplesmente entrou na minha cabeça inteiramente formado”.

Em 2001, J. K. Rowling se casa com Neil Murray, um anestesista com quem teve dois filhos, David Murray, Mackenzie Murray.

Trajetória e Carreira:

JK Rowling - carreiraEm 1991 deixou o cargo de pesquisadora na Inglaterra e foi morar em Portugal, nesse período ela dava aulas de Inglês à tarde e à noite, pela manhã, costumava escrever nas mesas dos cafés da cidade do Porto, lugar onde permaneceu por cinco anos.

Neste ritmo ela deu início a sua trajetória literária, manteve a rotina de escrever em bares, mais especificamente na criação de sua saga.

Neste período, conheceu um português chamado Jorge Arantes com quem se casou, e juntos tiveram uma filha chamada Jessica Arantes.

Tempos depois o casamento acabou, ela retornou com sua primogênita para Grã Bretanha indo morar em Edimburgo, na Escócia, nesta época ela havia terminado de escrever a história de Harry Potter, e seu primeiro livro da série foi lançado “Harry Potter e a Pedra Filosofal”.

Ela levou cinco anos na preparação de cada trama dos livros.

Porém foi uma longa jornada até que Harry Potter e a Pedra Filosofal fosse aceito pelo mercado editorial.

A autora teve que realizar um verdadeiro ‘tour’ por diversas editoras, e em 1994 experimentou a miséria e um estado depressivo, até a Bloomsbury decidir lançar sua primeira obra como mais uma na galeria da literatura infantil. Quando enfim ele foi publicado, em junho de 1997, Joanne ministrava aulas de francês.

O sucesso foi instantâneo, vieram os primeiros prêmios no campo dos livros para crianças. Ela conquistou até mesmo a premiação de Livro Infantil do Ano, concedido pelo British Book Awards.

Ao negociar seus direitos como autora para os Estados Unidos, por cento e cinco mil dólares, valor inigualável para uma escritora em início de carreira, ela pode deixar as aulas e se devotar integralmente ao restante da saga Harry Potter.

Sua obra prosseguiu a trajetória ascendente, mantendo-se sempre nos primeiros lugares entre os livros mais vendidos, tanto na categoria infantil, quanto na adulta.

Os fãs cresceram a cada volume, especialmente quando a saga foi convertida para as telas dos cinemas, em 2001, ampliando ainda mais as vendas dos livros.   A ansiedade dos leitores era tanta, que Rowling teve que ceder as suas pressões e antecipar o lançamento do segundo volume, Harry Potter e a Câmara Secreta, de setembro para junho de 1999.

A terceira parte, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkabam, publicada neste mesmo ano, em setembro, conquistou ainda mais prêmios e um sucesso ainda maior. Em 2000 Rowling publicou Harry Potter e o Cálice de Fogo e negociou seus direitos literários com uma famosa empresa cinematográfica, cedendo assim os primeiros volumes para lançamento nos cinemas.

Depois vieram Harry Potter e a Ordem da Fênix, em 2003, Harry Potter e o Enigma do Príncipe, em 2005, e Harry Potter e as Relíquias da Morte, em 2007.

Maior Sucesso:

J.K. Rowling

O livro “Harry Potter e a Pedra Filosofal” conta a história de um bebê que foi deixado na porta da família Dursley, com uma carta contando quem é ele e quais os mistérios que envolvem sua sobrevivência, após um duelo no qual seus pais foram mortos.

Onze anos depois, Harry descobre que é um bruxo e como tal deve ser educado na escola de bruxaria de Hogwarts, onde enfrenta dificuldades e finalmente derrota o mais terrível dos feiticeiros.

A publicação recebeu o prêmio “O Livro Infantil do Ano”, concedido pelo British Book Awards.

Foram publicados mais seis livros da série Harry Potter, e em 2012, seus livros já haviam sido traduzidos para 73 idiomas e vendido 450 milhões de exemplares, na maioria para crianças e adolescentes.

Obras da Escritora:

Harry Potter e a Pedra Filosofal, 1997
Harry Potter e a Câmara Secreta, 1998
Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, 1999
Harry Potter e o Cálice de Fogo, 2000
Harry Potter e a Ordem de Fênix, 2003
Harry Potter e o Enigma do Príncipe, 2005
Harry Potter e as Relíquias da Morte, 2007
Quadribol Através dos Séculos, 2001
Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los, 2001
Morte Súbita, 2012
O Chamado do Cuco, 2013
The Silworm, 2014

Prêmios:

J. K. Rowling

Ela recebeu vários prêmios e honrarias, entre eles;

“A Ordem do Império Britânico”, 2001

Prêmio “Príncipe de Astúrias para a Concórdia”, Espanha, 2003;

“The Edimburgh Award”, 2008;

Título de “Cavaleiro da Ordem da Legião de Honra”, 2009, das mãos de Nicolas Sarkozy, presidente francês

Ela foi eleita pela Enciclopédia Britânica, uma das 300 mulheres que mudaram o mundo.

Curiosidades e Fortuna:

J.K. Rowling é a escritora mais rica do Planeta, e pode assim converter sua fortuna no auxílio à luta contra enfermidades, a desigualdade e a miséria do mundo.

Em 2004 a revista Forbes, considerou J.K. Rowling a primeira criadora literária a conquistar bilhões de dólares com esta atividade.

Já em 2006, ela foi nomeada pela mesma revista como a segunda personalidade feminina mais rica do mundo, atrás apenas da apresentadora da televisão americana Oprah Winfrey, e à frente de nomes como a rainha Elizabeth II, Madonna e Gisele Bündchen, respectivamente na terceira, quarta e quinta posições.

Em 2007 ficou com a posição 891 dos bilionários do mundo na lista da Forbes e nesse mesmo ano ela ficou com o número 48 da lista da Forbes “100 Celebridades”.

Com efeito, o seu patrimônio em 2010, foi avaliado pela Forbes em 815 milhões de euros.

Seu patrimônio era estimado em US$ 1 bilhão, mas depois de fazer doações, doando cerca de 20% de sua fortuna bruta, seu patrimônio está estimado em cerca de US$850 milhões.

Em 2011 foi lançado o filme Magia além das palavras, uma biografia não autorizada pela escritora.

Em fevereiro de 2012, Little, Brown & Company anunciou que iria publicar o primeiro romance de Rowling para adultos, The Casual Vacancy (publicado em língua inglesa em 27 de setembro de 2012).

Foi publicado em língua portuguesa no último quartil de 2012: em Portugal pela Editorial Presença, e no Brasil pela editora Nova Fronteira.

Respostas e Dicas de J.K. Rowling:

JK Rowling - entrevista

Qual é o seu conselho sobre como conseguir ter um livro publicado?

Em primeiro lugar, você precisa escrever algo que um editor gostaria de publicar (só precisa de um, mas pode demorar um pouco para encontrá-lo. Se for rejeitado por todos os editores que existem, é preciso pensar que talvez o que você escreveu não seja publicável).  Em seguida, precisa se aproximar do editor, seja diretamente, ou (o que é aconselhável, se você puder) contratando um agente que agirá em seu nome.  A melhor maneira de encontrar os endereços de agentes e editores é consultar “The Writer’s and Artist’s Yearbook” (“Anuário dos Escritores e Artistas”), que é atualizado a cada ano (certifique-se de que esteja escrevendo à pessoa ou às pessoas certas; por exemplo, não envie um material de ficção científica para uma editora de livros de medicina).    Espere.   Reze.    Foi assim que Harry Potter foi publicado.

Você sempre quis ser escritora?

Sim. Soube que queria ser escritora quando tinha seis anos porque escrevi um livro naquela ocasião. Foi um trabalho genial sobre um coelho chamado Coelho. Dei o livro para a minha mãe e ela disse: “Que lindo”, como uma mãe faria: “Está muito bom mesmo”. Fiquei parada e pensei: “Bem, então publique-o”. É estranho uma criança de seis anos pensar nisso. Não sei de onde veio.

Quando foi a primeira vez que desejou ser escritora?

Sempre… desde que soube o que eram escritores, eu quis ser uma. Tenho o temperamento perfeito para ser escritora; sou capaz de ficar muito feliz sozinha em um quarto, inventando histórias.

O que você mais gostou de comprar com seus rendimentos?

Meu bem material favorito é a nossa casa no norte da Escócia, que é muito tranqüila e um local onde podemos nos divertir muito com a família e os amigos. Entretanto, provavelmente a melhor coisa que os meus rendimentos me trouxeram foi a ausência de preocupação. Não me esqueci de como é se preocupar se haverá dinheiro suficiente para pagar as contas. Não ter mais que pensar nisso é o maior luxo do mundo.

Frases e Pensamentos de J.K. Rowling:

JK Rowling - dicas“Não adianta se entregar aos sonhos se você se esquece de viver.” – (Harry Potter e a Pedra Filosofal)

 “O espírito sem limites é o maior tesouro do homem.”- (Harry Potter e as Relíquias da Morte)

 “Você meio que começa a pensar que tudo é possível se você tiver nervos suficiente.” – J.K. Rowling

“Nunca se envergonhe, sempre existirão aqueles que serão contra você, mas eles não merecem a mínima atenção.”- J.K. Rowling

“É preciso tentar não sucumbir sob o peso de nossas angústias, e continuar a lutar.”-  (Harry Potter e o Enigma do Príncipe)  

“Não acredito em destino, acredito em trabalho duro e sorte, e que o primeiro muitas vezes leva à segunda.” – J.K. Rowling

===================================================================================
Fontes: 
http://www.jkrowling.com/pt_BR/
http://pensador.uol.com.br/autor/j_k_rowling/biografia/

Até breve
Helder Diorio