As dificuldades na criação de personagens originais

Criar personagens pode ser uma tarefa complexa e desafiadora, principalmente para escritores iniciantes.

A criação de personagens deve envolver diretamente, atributos físicos e psicológicos, que podem ser características boas ou más, dependendo da necessidade da história e da vontade do escritor (a).

Como criar personagens

Os personagens podem ser criados, através de referências de pessoas, do próprio convívio de amizade, ou dos próprios familiares.

Comece a prestar atenção em algumas pessoas destes círculos, como elas se comportam, qual o temperamento de cada uma, a forma de se expressar e as características físicas.

Mas atenção, não crie personagens exatamente baseado nestes atributos próprios, pois eles podem ser percebidos por outras pessoas deste próprio círculo.

Apenas anote todas essas características e, mescle com outras, deixando que a criatividade ganhe espaço e forma.

Um dos grandes erros, no momento de criar personagens, é aplicar as mesmas características que nós mesmos temos.  Isso pode prejudicar a história, pois as decisões que o personagem pode tomar são baseadas nas mesmas decisões que você tomaria, que no caso do seu texto, pode não ser a melhor escolha.

Para evitar este problema, você precisa definir e pesquisar características baseadas em impressões que você quer transmitir ao leitor e, que seja adequado ao seu texto.

Conforme você vai criando personagens, é comum o escritor(a) se perder na criação e esquecer de detalhes e características de cada personagem.  Uma técnica muito utilizada é criar uma ficha de personagem, onde você incluirá todas as características físicas, psicológicas e demais informações que seja relevante.

Neste link, disponibilizei um modelo de ficha de personagem, ela pode ser personalizada conforme sua necessidade e utilizar na criação dos personagens para suas histórias.

Reações e alterações durante a história

Pode acontecer que alguns personagens mudem suas características durante a história.

Essas mudanças podem ser físicas ou psicológicas, dependendo do enredo que você pretende transmitir aos leitores.

O importante neste contexto é, que você consiga mostrar o impacto que estas mudanças tiveram na vida do personagem, sejam elas para melhor ou pior.

Por exemplo, suponha que uma personagem lute arduamente contra a balança para perder alguns quilos, seria interessante apresentar aos leitores ao longo do texto, como foi esta luta e quais benefícios trouxe a esta personagem.

Apresentar esta transformação será relevante mais pra frente dentro da história, quando a personagem elevar sua alto estima e saúde, ou na procurar de um namorado.

Se as mudanças acontecerem internamente, devem ser apresentadas ao longo da historia, para não causar estranheza, dúvida ou confusão na interpretação dos leitores.

Lembre-se que essas mudanças devem ficar implícitas no comportamento, nas ações, reações e decisões do personagem.

Até breve
Helder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *